quarta-feira, 7 de abril de 2010

Isso tudo partiu de mim?

Incontáveis vezes eu me peguei lendo aquele livro de cabeceira com poemas de Álvares de Campos, e percebi: eu nem tenho cabeceira; e acabava dormindo com ele embaixo do travesseiro.
Infinitos momentos foram aqueles em que acrodava; parava; e dizia: hoje eu quero ficar só. Não vou ligar, nem incomodar ninguém... Ficava o dia todo olhando o celular pra ver se alguem dava sinal de vida. Nada. Dai, sozinha e vazia, me acabava no RUM,no cigarro, nos filmes, em variados CDs. Muda, apática.
Inconsequentemente eu fiquei cega, surda e iludida com pessoas tão comuns, tão normais, e que eu achava tão colossais e tão excentricas e tão interessantes. Pfff... nada disso. Normais, eu diria que a diferença é um intelecto um pouco mais apurado, mas nada que ninguem consiga...
Parece tão adolescente, essas coisas de determinar pra mim mesma 'Ah, não ligue querida, finja que não se lembra' mas se eu tô lembrando, pensando ou repudiando eu faço toda questão de falar agora! De expressar... expressar nem que seja no método mais artificial que eu puder: Twitter? Não. Melhor ligar, ou mandar um torpedo mesmo.
Essa viagem me fez um bem danado. Me senti bem em lugares e com pessoas que não me despertavam capacidade de esboçar nenhum tipo de sentimento. De consideração. E que me fizeram tão felizes momentâneamente. Ouvi músicas totalmente fora do habitual. Bacanas.
Pra mim já deu esse trauminha dos que me dispensaram nessa vida. Dos que recusaram qualquer oferta minha. Daqueles que se mostravam tão grandes e fortes e superiores diante de mim. E que agora isso não me interessa nem um pouco.
Melhor ir nessa, com tranquilidade, serenidade, pegar o metrô, ouvir AC/DC no ipod, jogar o tênis pelo quarto, comer uma colher cheia de doce de leite caseiro. Mais tarde, ver a novela das oito com a mamis!

ps: já tô com saudades; das férias.

2 comentários:

  1. Avassalador o seu post linda
    Depois me explique o que aconteceu ao certo...
    Beijos!

    ResponderExcluir

Uma tonelada de opinião...